quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Trânsito e liderança

Os acidentes de trânsito matam quatro vezes mais que as guerras, segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde). Os conflitos no Vietnã duraram 20 anos (de 1955 a 1975). Lá, morreram 58.193 soldados norteamericanos. O trânsito brasileiro matará 50.241 pessoas no país, apenas em 2014, levando-se em conta apenas o crescimento anual de 4% que se tem verificado nos últimos 10 anos. Ou seja, sem computar o aumento de tráfego que ocorrerá por conta da Copa do Mundo. E quanto mais tráfego, mais mortes.
Dada a importância do tema, diretores e associados do COL (Clube de Oratória e Liderança) de Joinville, anteciparam a Semana Nacional do Trânsito, a comemoração anual que acontece entre os dias 18 e 25 de setembro e debateram, na noite de 9 de setembro de 2013 “O TDAH e acidentes de trânsito”.

Desde 1979 o COL Joinville vem formando oradores e líderes com suas palestras e cursos. O próximo Curso de Oratória e Liderança com Ênfase em Técnicas de Apresentações acontece no período de 4 a 11 de novembro. As inscrições já estão abertas e as confirmadas com antecedência (até o dia 19 de setembro) tem 30% de desconto.
  Estudiosa do TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade), a psicóloga Sheila Rosskamp explicou que pessoas com essa síndrome são líderes natos. “Elas têm inteligência e memória acima da média, apresentam energia extra, são criativas, espontâneas, gostam de novidades, se destacam naquilo que gostam e ainda são falantes e líderes natos. Estas são as qualidades geralmente encontradas em pessoas com TDAH”, explicou a palestrante para surpresa da plateia que se identifica com estas características.

Segundo a especialista, o TDAH é uma síndrome com forte componente genético, causada por uma alteração no receptor da dopamina (sensação de prazer, motivação) nos neurônios. Acomete tanto meninos quanto meninas e costuma se estender para a vida adulta.
A psicóloga diz que pessoas com TDAH se envolvem em muito mais acidentes de trânsito, e que estudos realizados pela APA (American Psychiatric Association) confirmam isso. "Estudo confirmou que pessoas com TDAH tiveram 4 vezes mais acidentes de veículos, sofreram 4 vezes mais lesões devido a batidas, receberam 4 vezes mais multas de trânsito e dirigiram 6 vezes mais sem licença".
Só em 1991 o Departamento de Transporte das Rodovias Federais dos EUA reconheceu o TDA/H como um transtorno psiquiátrico que representava um risco potencialmente importante em relação aos problemas de condução de veículos.

Geralmente, com o passar dos anos, as pessoas se tornam melhor condutores, porém as estatísticas mostram que nesse grupo de pessoas isso não ocorre. Só diminuindo nas pessoas idosas com TDAH.
No mesmo encontro o associado James Ademir Alves apresentou o livro "Metanoia", e explicou que a obra é um romance de negócios e trata de uma nova maneira de enxergar a realidade. "É a transformação. É livrar-se dos entulhos liberando espaço para o novo. É um novo olhar sobre a liderança e os negócios".
Em breve o autor Roberto Adami Tranjan fará o lançamento do livro em Joinville e o COLeano já despertou no grupo o interesse pela obra.
Durante o evento o diretor Altamir Andrade, coordenador do projeto "Se ligue no esgoto" também fez a apresentação e lançamento do jornal do referido projeto, que serão distribuídos em palestras nas escolas.

Leia mais sobre o COL neste blog:


A oratória da liderança
COL e UFPR firmam parceria para formar empreendedores  
Clube de Oratória decide parcerias com a SDR Joinville e Ajidevi
Formar líderes e oradores é missão do COL
Superação do medo e da inibição
Vídeo "O rio que teima pela vida"
COL forma mais 16 oradores
Bons oradores têm melhores cargos e salários
O maior medo do mundo tem cura
Melhor oradora e maior evolução
Escolas de jornalismo não ensinam oratória


Leia mais sobre o COL noutras publicações:
JOV (Jornal O Vizinho)
Edição 797 do JOV (Clube de Oratória se engaja na conscientização ambiental
Edição 796 do JOV (Se ligue no esgoto)
Edição 794 do JOV (Ela é a primeira)
Edição 793 do JOV (Mulher Líder)
Edição 792 do JOV (Advogada vai liderar Clube de Oratória)
Edição 786 do JOV (COL faz parceria com Sindicato dos Radialistas)
Edição 777 do JOV (O rio que teima pela vida)
Edição 776 do JOV (Documentário ambiental em fase final)
Edição 775 do JOV (Jovens oradores)
Edição 769 do JOV (COL conquista patrocínio público)
Edição 753 do JOV (COL prepara curso de oratória)
Edição 751 do JOV (Oratória, ferramenta para o sucesso na carreira)
Edição 746 do JOV (Conselheiros do COL discutem sucessão)
JOI (Jornal O Joinvilense)
Edição 062 do JOI (Mulher no comando)
Edição 057 do JOI (COL faz parceria com Sindicato dos Radialistas)
Edição 052 do JOI (COL e IVC consagram título ao Dr. Água)
Edição 051 do JOI (O rio que teima pela vida)
Edição 041 do JOI (Para superar a inibição)
Edição 038 do JOI (São Paulo deve ganhar um Clube de Oratória)
Edição 036 do JOI (COL mobiliza líderes em defesa do MP)
Edição 034 do JOI (COL realiza primeiro curso de oratória do ano)
JOA (Jornal O Araquariense)
Edição 024 do JOA  (Mulher vai liderar o Clube de Oratória)
JOG (Jornal O Garuvense)
Edição 070 do JOG (Advogada vai liderar Clube de Oratória)
Edição 046 do JOG (Garuvense é orador premiado)
Edição 009 do JOG (Formador de líderes e oradores)


Nenhum comentário:

Postar um comentário