quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Disputo Prêmio de Jornalismo

Prêmio e jingle
Competindo com outras 110 reportagens em concurso estadual do Prêmio Fatma de Jornalismo 2011 estou entre os 20 classificados para a final que acontece no fim do mês em Florianópolis, SC.
Paraíso das Águas (Poluídas). Essa reportagem publicada na edição 16 do JOG (Jornal O Garuvense) revela a grave situação em que já se encontram alguns rios no município de Garuva no norte do Estado.
Conhecido nacional e internacionalmente por suas riquezas naturais, principalmente os rios de águas cristalinas, por isso divulgado turisticamente como o "Paraíso das Águas", a matéria revela imagens de casas e até galpão de igreja construído dentro de rio denunciando crimes ambientais absurdos.
A reportagem mostra ainda que o município, rico em águas, é um dos mais pobres do país em coleta e tratamento de esgoto com centenas de tubos despejando águas negras em corredeiras transparentes.
O JOG vai completar dois anos em novembro. E na primeira competição de um prêmio tão importante, já estar disputando uma final confirma que praticamos um jornalismo de reconhecida qualidade editorial.
Para rever a edição é só acessar o sítio virtual na internet www.ogaruvense.com.br e clicar em ˜Edições Anteriores" e "016".
Desde o dia 15 deste setembro está na rede mundial de computadores o jingle do JOG. Obra do músico e compositor joinvilense Fábio Cabelo. Especialista na criação de instrumentos musicais alternativos e parceiro da nossa empresa em diversas atividades artísticas, Cabelo é o criador do jingle.
Apesar de durar apenas 15 segundos, a obra contou com a participação de várias pessoas sugerindo textos e mínimas mudanças, mas a criação da letra e música foi do artista e emocionou os envolvidos no processo. "Quando ouvi a primeira vez me emocionei mesmo. O jingle materializa uma conquista da nossa equipe, a consolidação do JOG", afirma meu sócio Jorge Mazotto.
O sentimento não foi diferente com nossa sócia Fabiane Carvalho. "Surpresa e até emoção. O primeiro impacto foi como se a música falasse de um filho meu".
E Daiane Cunha, nossa consultora comercial, diz que gostou muito. "Ele é rápido, comunica bem e o ritmo é interessante. Pega fácil; fiquei cantarolando em seguida".
Segundo o artista, que há oito anos produz obras dessa natureza, quando compõe jingles ele prefere temas musicais alegres, geralmente dançantes. "O texto sempre me baseio no que o meu cliente quer transmitir para o seu público".
Nesse feito para o JOG, Fábio Cabelo usou diversos instrumentos musicais. "Tem bateria, órgão, baixo, violão e trio de metais (saxofone, trompete e trombone", explica.
Se você ainda não ouviu o jingle do JOG aumente o volume do seu computador e acesse o sítio www.ogaruvense.com.br. A música abre junto com a sua tela.

Letra do jingle do JOG
"Jornal O Garuvense
Comprometido com a comunidade
e a verdade
doa a quem doer
O JOG vai mostrar
JOG pra ganhar
Jornal O Garuvense"

Colaboraram na criação do jingle
Fabiane Carvalho - Joinville, SC
Daiane Cunha - Joinville, SC
Jorge Mazotto - Joinville, SC
Altamir Andrade - Joinville, SC
Ilaine Melo - Porto Alegre, RS
Rosângela Fortini - Porto Alegre, RS


Nenhum comentário:

Postar um comentário